João Pinheiro

O UNIVERSO MULTIFACETADO DE JOÃO PINHEIRO 

Herculano Moraes* 

Filho do coronel João José Pinheiro e de Maria Castelo Branco, João Pinheiro nasceu em Barras-PI, a 16 de maio de 1877. Seu pai era Maranhense da cidade de Rosário, morando por muitos anos em Barras, onde tornou-se líder político, exercendo os cargos de Secretário de Estado, membro do Conselho Municipal e Deputado Provincial, chegando à presidência da Assembleia.

Concluídos os estudos básicos, Barras tornou-se pequena para os projetos da família. Mudou-se para a cidade de Parnaiba, onde trabalhou no comércio e deu sequência aos estudos. Vem para Teresina e em 1895 está em Salvador (Bahia) matriculado no curso de Odontologia, concluído em 1898. Retornando a Teresina, passa a ocupar destacados cargos na administração pública. Diretor do Liceu Piauiense, entre 1936 e 1938; Diretor da Instrução Pública, catedrático de português.

Em 1917 fundou, com mais nove intelectuais da época, a Academia Piauiense de Letras, passando a ocupar a cadeira de número 2, escolhendo por patrono o poeta Hermínio Castelo Branco.

VEJA MAIS SOBRE JOÃO PINHEIRO NA PUBLICAÇÃO ABAIXO