Climério Ferreira é eleito para a APL

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Poeta Climério Ferreira/Imagem: André Gonçalves/Revestrés.
Poeta Climério Ferreira/Imagem: André Gonçalves/Revestrés.

O poeta, compositor e professor Climério Ferreira foi eleito para ocupar a Cadeira 36 da Academia Piauiense de Letras, vaga com o falecimento do escritor Assis Brasil.

A eleição foi realizada sábado passado (09/04), em segundo turno, na sede da APL.

Votaram 33 acadêmicos. Desse total, Climério obteve 24 votos e João Alves Filho, 8. Foi computado um voto em branco.

A posse do novo acadêmico será marcada para os próximos 90 dias.

O pleito foi conduzido pela Comissão Eleitoral da APL, presidida pelo acadêmico Reginaldo Miranda e composta pelos acadêmicos Dilson Lages, Elmar Carvalho, Fonseca Neto e Nelson Nery.

O novo acadêmico

Climério Ferreira nasceu em Angical do Piauí.  É professor aposentado da Universidade de Brasília. Desde 1975, já publicou 14 livros de poesia.

Seu 15º livro, intitulado “A música imóvel do tempo”, foi lançado no último Salão do Livro do Piauí, que o homenageou em sua 19ª edição, realizada em dezembro passado.

Climério Ferreira tem mais de 100 canções gravadas por intérpretes como Dominguinhos, Fagner, Ednardo, Elba Ramalho, Amelinha, Fernanda Takai e padre Fábio de Melo.

Comissão Eleitoral da APL