Eleição para cadeira de Assis Brasil será decida em 2º turno

Comissão Eleitoral da APL no Salão de Reuniões.
Comissão Eleitoral da APL no Salão de Reuniões.
Comissão Eleitoral da APL no Salão de Reuniões.

A Academia Piauiense de Letras realizou eleição hoje (11/03) para a Cadeira 36, vaga com o falecimento do escritor Assis Brasil, em 28 de novembro do ano passado.

Três candidatos concorreram ao pleito. O poeta e compositor Climério Ferreira foi o mais votado, com 17 votos.

Os candidatos João Alves Filho e Marcos Freitas empataram com 5 votos, cada um.

Para ser eleito, o candidato precisava alcançar o quórum mínimo de 19 votos. Votaram 29 acadêmicos. Foram registrados um voto nulo e um em branco.

Com esse resultado, a eleição será decidida em segundo turno, entre Climério Ferreira e João Alves Filho, o mais idoso entre os dois que empataram. A data da nova votação ainda será marcada pela Diretoria da APL.

O processo foi conduzido pela Comissão Eleitoral da APL, presidida pelo acadêmico Reginaldo Miranda e composta pelos acadêmicos Dilson Lages, Elmar Carvalho, Fonseca Neto e Nelson Nery.