APL lança mais dois livros do Bicentenário

Os novos lançamentos da Coleção Bicentenário.
Os novos lançamentos da Coleção Bicentenário.

Mais dois livros da Coleção Bicentenário da Independência foram lançados hoje (10/12) na Academia Piauiense de Letras.

Os volumes lançados foram Piauí Colonial: População, Economia e Sociedade, do antropólogo Luiz Mott, e Os Índios do Piauí, com textos de João Renôr F. de Carvalho, Monsenhor Chaves, Moyses Castelo Branco Filho, Nelson Nery e Reginaldo Miranda.

O acadêmico Nelson Nery, organizador das publicações, fez a apresentação do primeiro livro e também da Coleção Bicentenário, que está publicando oito obras.

O livro sobre os índios foi apresentado pelo acadêmico Reginaldo Miranda, especialista na questão indígena.

Comemorações  

Os lançamentos estão inseridos nas comemorações dos 200 anos da Independência.

As obras foram publicadas conjuntamente pela APL, o Conselho Estadual de Cultura, o Instituto Histórico e Geográfico do Piauí e o Governo do Estado, através das Secretarias de Educação e da Cultura, com recursos da Lei Aldir Blanc (Prêmio Maria da Inglaterra).

A governadora Regina Sousa foi representada no evento pelo secretário de Governo, Antônio Neto.

A Coleção

Além das duas obras lançadas hoje, já foram lançados pela Coleção Bicentenário os livros Memória Cronológica, Histórica e Corográfica da Província do Piauí, de Pereira de Alencastre (Vol. 1); A Guerra do Fidié, de Abdias Neves (Vol. 2); e Contribuição do Piauí na Guerra do Paraguai (vários autores, com organização do acadêmico Felipe Mendes). Serão lançados em breve mais três volumes: A Independência do Piauí, de Wilson de Andrade Brandão; Grande Enciclopédia Internacional de Piauiês, de Paulo José Cunha, e O Outro lado da Independência do Brasil, de Claudete Dias.

Acadêmico Nelson Nery apresenta Coleção Bicentenário na APL.
Acadêmico Reginaldo Miranda apresenta livro sobre os índios no Piauí.