UFPI na homenagem da APL à Faculdade de Medicina

Anfrísio Lobão conta a história da Faculdade de Medicina da UFPI

Os 53 anos de fundação da Faculdade de Medicina da UFPI foram homenageados em sessão especial on-line da Academia Piauiense de Letras (APL) na manhã deste sábado (23), como parte das comemorações pelo cinquentenário da UFPI em 2021.

A homenagem à Medicina compõe um conjunto de sessões especiais em referência às faculdades históricas que formaram a Universidade Federal do Piauí.

A solenidade foi conduzida pelo presidente da APL, acadêmico Zózimo Tavares. “Dedido esta sessao de hoje à memória dos que fizeram a Faculdade de Medicina e tambem à dedicação dos que continuaram e continuam esta magnífica obra”, disse.

O orador da sessão solene foi o professor, acadêmico e ex-reitor, Anfrísio Lobão. Ele ministrou a palestra “UFPI: História do Curso de Medicina”, em que  apresentou o contexto de criação da Faculdade em 1968.

O reitor Gildásio Guedes, o vice-reitor Viriato Campelo e outros membros da administração superior da UFPI estiveram presentes à sessão.

LEIA MAIS:

https://ufpi.br/ultimas-noticias-ufpi/43051-faculdade-de-medicina-da-ufpi-recebe-homenagem-em-sessao-especial-da-apl

Faculdade de Medicina da UFPI já diplomou quase 3 mil médicos

 

 

Sessão Especial da APL em homenagem à Faculdade de Medicina da UFPI.

 

A Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Piauí diplomou quase três mil médicos desde a sua instalação, em 1968.

Com isso, contribuiu para elevação da qualidade da assistência médica praticada no Piauí, transformando o Estado em polo regional de referência em saúde.

As informações foram dadas hoje (23/10) pelo professor e acadêmico Anfrísio Lobão Castelo Branco, orador oficial da Sessão Especial da Academia Piauiense de Letras dedicada à Faculdade de Medicina da UFPI.

O evento fez parte do programa de atividades da APL para celebrar os 50 anos de fundação da Universidade Federal do Piauí.

A Academia homenageia as cinco faculdades que contribuíram para a criação da UFPI.

A sessão deste sábado contou com a presença do reitor Gildásio Guedes, que designou o vice-reitor Viriato Campelo, médico e professor, para agradecer a homenagem em nome da UFPI.

Participaram também representantes de entidades médicas, professores da UFPI, médicos, acadêmicos e outros convidados.

A solenidade foi conduzida pelo presidente da APL, acadêmico Zózimo Tavares, que dedicou a sessão à memória dos que fizeram a Faculdade de Medicina e também aos que continuaram e continuam esta magnífica obra.

Professor e acadêmico Anfrísio Lobão, orador da sessão.

APL homenageia Faculdade de Medicina da UFPI

A Academia Piauiense de Letras realiza, no próximo dia 16, Sessão Solene Especial dedicada à Faculdade de Medina do Piauí.

O evento faz parte da programação de homenagens da APL aos 50 anos de criação da Universidade Federal do Piauí.

O orador da sessão que homenageia a Faculdade de Medicina do Piauí será o professor e acadêmico Anfrísio Lobão, ex-reitor da UFPI. O evento será realizado no formato virtual.

As homenagens

No início de março, a APL realizou sessão para celebrar o cinquentenário da Universidade Federal do Piauí.

No final daquele mês, foi realizada a sessão em homenagem à Faculdade de Direito (FADI), a primeira escola de ensino superior do Piauí, com oração do acadêmico e professor Nelson Nery.

Em agosto, a APL homenageou a Faculdade Católica de Filosofia (FAFI), cm sessão que teve como orador o professor e acadêmico Pedro S. Ribeiro.

A Faculdade de Odontologia do Piauí foi homenageada em setembro, através de oração do professor e acadêmico Plínio da Silva Macêdo

A última faculdade que será homenageada pela APL, nesse programa de celebrações, será a de Administração, com oração do acadêmico Elmar Carvalho.

O presidente da Academia, Zózimo Tavares, disse que o agrupamento dessas faculdades possibilitou a fundação da UFPI, há 50 anos, e que por isso a história delas precisa ser contada também neste momento de celebração dos 50 anos da universidade.

UFPI trabalha retorno gradual às suas bibliotecas

O Sistema de Bibliotecas da UFPI (SIBi/UFPI) informou que os serviços de empréstimo e o acesso aos espaços de estudo individuais e em grupos estão suspensos em todas as bibliotecas do Sistema.

Conforme o comunicado encaminhado aos usuários, a Universidade está trabalhando para o retorno gradual de empréstimos por agendamentos.

Todos os empréstimos, realizados antes do fechamento das bibliotecas, estão sendo prorrogados e as multas suspensasaté o retorno total das atividades presenciais da Universidade Federal do Piauí.

Quem desejar devolver material emprestado deve procurar a biblioteca em que realizou o empréstimo.

O Sistema de Bibliotecas da UFPI divulgou os horários para devoluções de materiais e contatos de cada uma das bibliotecas que compõem o SIBi/UFPI:

Biblioteca Setorial do CCA

Seg. a sex. – 7h às 11h.

fichacatalograficacca@ufpi.edu.br

Biblioteca Setorial do CCE

Seg. a sex. – 8h às 12h

bibliotecabbcce@gmail.com

Biblioteca Setorial do CCHL

Ter. e Qui. – 8h às 12h

bibliotecasetorialcchl@ufpi.edu.br

Biblioteca Setorial do CCN

Ter. e Qua. – 8h às 12h

bibliotecasetorialccn@ufpi.edu.br

Biblioteca Setorial do CCS

Seg. e qua. – 8h às 12h

fichacatalograficaccs@ufpi.edu.br

Atendimento é realizado no prédio da Biblioteca Comunitária

Biblioteca do Campus de Bom Jesus

Seg. a sex.  – 8h às 11:30h

fichacatalograficacbj@ufpi.edu.br

Biblioteca do Campus de Floriano

Seg. a sex. – 8h às 12h

bibliotecacafs@ufpi.edu.br

whatsapp: (89) 35224601

Biblioteca do Campus de Picos

Terças – 8h às 10h

bibliotecapicos@ufpi.edu.br

Biblioteca da UFDPar

bibcmrv@ufpi.edu.br

whatsapp: (86) 95209939

Biblioteca Comunitária Jorn. Carlos Castello Branco

Seg. a sex. – 8h às 11:30h

whatsapp: (86) 32371771

e-mails: bccb@ufpi.edu.br

eventosbccb@ufpi.edu.br

instagram: @bccbufpi

Faculdade de Odontologia da UFPI formou mais de 2.000 profissionais

A Faculdade de Odontologia da Universidade Federal do Piauí já formou mais de 2.000 cirurgiões-dentistas, em 109 turmas que colaram grau desde a sua implantação.

Esta foi uma das informações dadas pelo acadêmico Plinio Macêdo na palestra “Faculdade de Odontologia-UFPI: 60 anos”.

A palestra foi proferida no sábado passado (18/09), em sessão especial da Academia Piauiense de Letras dedicada à Faculdade de Odontologia, como parte das celebrações do cinquentenário da UFPI.

O acadêmico Plínio Macêdo, que é professor do curso de Odontologia, fez a oração em nome da APL.

Ele apresentou um panorama da saúde bucal no mundo e falou sobre a chegada do Curso de Odontologia no Brasil.

Na segunda parte de seu discurso, ele se deteve na história da Faculdade de Odontologia, a terceira escola de ensino superior do Piauí.

Foi uma das cinco faculdades que deram origem à UFPI.

Presenças

A sessão especial da APL, realizada no formato virtual, foi presidida pelo acadêmico Zózimo Tavares e contou com a presença do reitor Gildásio Guedes e do presidente do Conselho Estadual de Cultura, acadêmico e professor Nelson Nery.

O professor Wagner Moura, titular da Faculdade de Odontologia, agradeceu a homenagem em nome da UFPI, por indicação do reitor.

Participaram da sessão os acadêmicos Anfrísio Lobão, Elmar Carvalho, Fonseca Neto, Fides Angélica, Jonathas Nunes e Moisés Reis.

UFPI presente

Também participaram da sessão os professores Luís Carlos Sales, pró-reitor de Planejamento; Arquimedes Cardoso, diretor do Centro de Ciências da Saúde e representante do vice-reitor Viriato Campelo; Carla Leite, vice-diretora do CCS e professora de Odontologia; Guilherme Pompeu; Regina Ferraz Mendes; Carmén Milena, Karka Cováris, coordenadora do Curso de Odontologia, e Otacílio Batista Neto, além do jornalista e professor Fenelon Rocha, superintendente de Comunicação da UFPI.

A sessão foi transmitida pela TV APL, o canal da Academia no YouTube:

Academia relembra a história da FAFI

A FAFI funcionou neste prédio, na Praça Saraiva.

A história da Faculdade Católica de Filosofia do Piauí será lembrada neste sábado (21/08) em sessão especial da Academia Piauiense de Letras.

Durante o evento, o professor e acadêmico Pedro S. Ribeiro vai proferir a palestra “FAFI: Vivências e Memórias”.

O acadêmico foi um dos fundadores da Faculdade de Filosofia, criada pelo arcebispo metropolitano de Teresina, dom Avelar Brandão Vilela, e instalada oficialmente em 1958.

50 anos da UFPI

O presidente da APL, Zózimo Tavares, informou que a Academia vem realizando sessões especiais para homenagear as faculdades que contribuíram para a criação da Universidade Federal do Piauí.

“A FAFI foi um desses pilares, juntamente com a Faculdade de Direito, já homenageada pela APL. Vamos homenagear ainda as Faculdades de Odontologia, Medicina e Administração, que são as fundadoras da UFPI”, adiantou.

Com esses eventos, a Academia Piauiense de Letras está celebrando os 50 anos de criação da UFPI.

A sessão deste sábado está marcada para as 10h e será realizada no formato virtual, com transmissão pelo Canal da APL no YouTube.

Presidente da APL fala de Literatura Piauiense na UFPI

O presidente da Academia Piauiense de Letras, Zózimo Tavares, participou, hoje (30/06), de aula on-line da disciplina “Literatura Nacional VI – Autores Piauienses” do Curso de Letras da Universidade Federal do Piauí.

A convite da professora Jasmine Malta, ele apresentou aos estudantes uma síntese da história e das atividades da APL, com destaque para o plano editorial.

Também discorreu sobre o movimento da Academia para implantar o ensino de Literatura Piauiense nas escolas das redes pública e particular do Piauí.

A professora Jasmine Malta informou que a disciplina que estuda os autores piauienses é obrigatória na UFPI desde 2010, com 60 horas-aula por semestre. Essa disciplina era optativa até 2009.

O Conselho Estadual de Educação baixou Resolução, no final do ano passado, a pedido da APL, cobrando o ensino de Literatura Piauiense a partir do ano que vem.

Aula no Curso de Letras da UFPI

APL vai renovar convênio com a UFPI

A Academia Piauiense de Letras e a Universidade Federal do Piauí estão ultimando os contatos para a renovação do convênio de cooperação cultural entre as duas instituições.

O objetivo principal da parceria entre a APL e a UFPI é o engrandecimento da Literatura e da Cultura piauienses.

Nos termos em que estão sendo discutidos, o convênio constará da realização de pesquisas, estudos, cursos, palestras, conferências, seminários, concursos literários e quaisquer outros eventos ou projetos que forem de interesse das duas instituições.

O convênio abrange também a edição e reedições de obras literárias de autores piauienses, através da EDUFPI, a editora universitária piauiense.